sábado, 24 de junho de 2017

NOTÍCIA DO JORNAL DO COMÉRCIO

Dezessete detentos fogem do Presídio de Agrestina

Durante a fuga, um policial ficou ferido. Segundo informações, o estado de saúde dele é estável
Publicado em 24/06/2017, às 11h35
JC Online

Foi registrada na manhã deste sábado (24) a fuga de, pelo menos, 17 detentos, da Cadeia Pública de Agrestina, de acordo com informações repassadas pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco. Durante a dispersão dos presos, que levaram armas da cadeia, um policial ficou ferido e foi socorrido para o Hospital Regional do Agreste. Segundo informações do Sindicato, o estado de saúde dele é estável. 


O policial, identificado como cabo Medeiros, foi agredido por alguns presos, levando muitas pancadas na cabeça. No entanto, foi protegido por outros detentos, que não participaram da fuga, e que impediram que as agressões continuassem. Segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco, o cabo estava escalado junto com um efetivo fixo, mas durante a confusão estava sozinho. 

Segurança


O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco, João Carvalho, denuncia que em muitas cadeias públicas de Pernambuco a segurança é feita por policiais militares, o que, de acordo com ele, é contra a lei. "Estão fazendo um serviço de guarda interna contra a lei do código penitenciário que prevê que a segurança interna tem de ser feita por agentes penitenciários. Isto fragiliza a segurança das cidades por causa do desvio de função", acusa. 

Buscas


Em nota, a Secretaria Estadual de Ressocialização (Seres) ligada à Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos, responsável pelo sistema penitenciário em Pernambuco, afirmou que "tomou todas as providências para identificar as circunstâncias em que o fato ocorreu" e que "a PM está em diligências para a recaptura dos detentos". Até as 15h deste sábado, nenhum fugitivo havia sido encontrado.

FONTE:

Nenhum comentário:

Postar um comentário