domingo, 25 de junho de 2017

NOTÍCIA DO JORNAL DO COMÉRCIO DE DOMINGO

Superlotação é marca nas unidades prisionais de Pernambuco


O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco, João Carvalho, denuncia também o déficit no número de agentes penitenciários no Cotel, em Abreu e Lima

No Cotel, foi apreendido um revólver calibre 38 estava, carregado com cinco munições / Foto: Divulgação/Sindicato dos Agentes Penitenciários
No Cotel, foi apreendido um revólver calibre 38 estava, carregado com cinco munições
Foto: Divulgação/Sindicato dos Agentes Penitenciários
JC Online

O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco, João Carvalho, divulgou uma tabela os números de vagas existentes nos presídios do Estado e quantos detentos há, atualmente, em cada uma. Os dados revelam que em todas as vinte e duas unidades da Região Metropolitana e do Interior há superlotação.



No Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), no município de Abreu e Lima, Região Metropolitana do Recife, nessa sexta (23), possui 940 vagas, mas abriga 3191 reeducandos. Um déficit de 2251 homens. No Grande Recife, o cenário mais dramático está no Presídio de Igarassu. São 3.290 presos para 426 vagas. 

O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco, João Carvalho, denuncia também o déficit no número de agentes penitenciários no Cotel, em Abreu e Lima. De acordo com ele, atualmente existe um efetivo de 8 agentes, em média, no plantão, quando seriam necessários 80. "A unidade precisa de reforço de agentes pois é portão de entrada dos sistema penitenciário para outras unidades", pontua Carvalho. 

No interior, a Penitenciária Doutor Ênio Pessoa Guerra, no município de Limoeiro, Agreste Pernambucano, apresenta um déficit de 1224 presos: 426 vagas para 1650 detentos.

Arma encontrada no Cotel


Um revólver calibre 38, carregado com cinco munições, foi encontrado nessa sexta-feira (23), com um detento do Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), localizado no município de Abreu e Lima, Região Metropolitana do Recife. Adriano Ferreira da Silva foi encontrado com a arma às 10h30. 

A apreensão foi realizada por agentes penitenciários do pavilhão, que encontraram a arma. Após a apreensão, o detento foi encaminhado à Delegacia de Paulista e, posteriormente, seguiu para a audiência de custódia, em Olinda.

FONTE:

Nenhum comentário:

Postar um comentário