segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

AGENTES PENITENCIÁRIOS E OPERADORES DE SEGURANÇA PÚBLICA TEM DIREITO A FICAR EM CELA DISTINTA DAS DEMAIS PESSOAS PRIVADAS DE LIBERDADE MESMO CONDENADO



A lei nº 15.755, de 04 de abril de 2016, assegura por exemplo, um local separado para operadores da Segurança Pública  (Agente de Segurança Penitenciária, Policial Civil, Policial Militar, Policial Federal, Policial Rodoviário Federal, Guarda Municipal e outros), mesmo com condenação definitiva. 

Este objetivo foi alcançado, tendo em vida a atividade de risco de vida, por isso mesmo com a condenação deverá ficar em local distinto de outras pessoas privadas de liberdade. Este artigo foi defendido e justificado arduamente pelo Presidente do SINDASP-PE João Carvalho perante os membros da comissão e entidades civis.

O Presidente do Sindasp -PE João Carvalho, participou da Comissão do Código, que beneficiou os operadores de Segurança Pública.


 Membros da Comissão do Novo Código Penitenciário

Nenhum comentário:

Postar um comentário