sábado, 21 de março de 2015

VÍDEO DA AUDIÊNCIA PÚBLICA NA ALEPE: PRESIDENTE ELEITO DO SINDASP DENUNCIA O ESTADO EM AUDIÊNCIA PÚBLICA

Veja o vídeo:



O novo Presidente Eleito do SINDASP-PE, João Carvalho, participou da audiência pública na ALEPE, neste mês de março de 2015 e defendeu a categoria brilhantemente.

Na audiência pública que tratou das questões de Direitos Humanos aos Agentes Públicos foi realizada para os Agentes Públicos da área de Segurança Pública.

O SINDASP-PE representado por João Carvalho denunciou sobre várias questões, como:

- Trabalho escravo contra o Agente Penitenciário (novo e antigo);

- Falta de condições de trabalho;

- Falta de efetivo (mostrou a realidade);

- Defendeu os concursados;

- Denunciou sobre Itaquitinga e terceirização.



A Comissão de Cidadania, Direitos Humanos e Participação Popular reservou sua primeira audiência pública nesta Legislatura para tratar dos direitos humanos dos agentes de segurança pública pernambucanos. O Sindasp-PE esteve na audiência e pode expor aos deputados estaduais e membros de outras entidades e instituições, os problemas dos Agentes Penitenciários de Pernambuco.

Durante encontro realizado em 11 de março, integrantes de outras associações e sindicatos, além de membros do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e da seccional pernambucana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PE), contribuíram para um diagnóstico das principais dificuldades enfrentadas pelos profissionais.

Para o presidente eleito do Sindasp-PE, João Carvalho, é fundamental resolver o déficit no efetivo da categoria. Carvalho denunciou a falta de efetivo, o sofrimento de assédio moral na categoria, a falta de um local específico e a precariedade dos instrumentos de trabalho. “Além disso, o Pacto pela Vida não contempla a carreira desses profissionais.”

Além disso, corre uma ação civil pública para que o Estado nomeie os 147 aprovados no último concurso. Segundo Carvalho, o Estado ainda precisa do preenchimento de mais de 4 mil vagas para Agentes Penitenciários para corrigir a defasagem.

SINDASP-PE TRABALHANDO POR VOCÊ




Nenhum comentário:

Postar um comentário