sábado, 10 de janeiro de 2015

Diário de Pernambuco: Governo vai chamar agentes penitenciários

Publicação: 10/01/2015 00:36 Atualização:


Contratação de pessoal e geração de novas vagas estão entre as medidas anunciadas, ontem, pelo secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, para conter a crise do sistema penitenciário. O anúncio foi feito no momento da posse do novo secretário executivo de Ressocialização do estado, o coronel reformado da Polícia Militar Eden Vespaziano. Eurico divulgou a admissão imediata de 132 agentes de segurança penitenciária aprovados no concurso realizado em 2009.

O governo também pretende, em 60 dias, convocar outros 40 agentes do quadro permanente do sistema de ressocialização, reduzindo o número de profissionais cedidos a outros órgãos. A conclusão do Complexo Prisional de Tacaimbó, na BR-232, também está nos planos do estado. A obra é orçada em aproximadamente R$ 11,3 milhões e vai abrir 676 vagas. A expectativa é que o complexo seja entregue em 120 dias.

O presídio de Tacaimbó deveria ter sido finalizado em março de 2014, assim como o de Santa Cruz do Capibaribe, localizado no km 14 da PE-160 e com capacidade para 186 reeducandos. O de Santa Cruz também foi anunciado ontem como uma das medidas de curto prazo para conter a crise. O investimento é de R$ 850 mil.

Outro complexo que também deveria estar pronto desde março passado e faz parte do pacote anunciado é o do Curado, orçado em R$ 8,4 milhões e com capacidade para 600 vagas. O estado promete entregar a obra em 180 dias. “Vamos cumprir esse cronograma, que foi discutido e aprovado pelo governador Paulo Câmara. Os problemas do sistema ocorrem em todo o país. São uma necessidade urgente da agenda social”, comentou Pedro Eurico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário